Os amantes do automobilismo de velocidade podem visitar este fim de semana o Autódromo do Estoril para ali acompanharem as provas referentes aos campeonatos de GT Open e Euroformula Open. Relativamente ao primeiro, e no que diz respeito à qualificação entretanto já realizada, o italiano David Fumanelli colocou o seu Ferrari 488 GT3 Evo na pole-position para a Corrida 1, isto depois de uma sessão de treinos cronometrados que demonstrou a enorme competitividade da série promovida pela GT Sport, com três fabricantes a ocuparem as três primeiras posições da grelha de partida.

Programa International GT Open
Circuito Estoril, 29 Abril-1 Maio 2022

Sábado

09:55-20:30: Qualificação 1 (Euroformula Open)

10:35-11:05: Qualificação 1 (International GT Open)

14:30-15:05: Corrida 1 (Euroformula Open)

15:30-16:40: Corrida 1 (International GT Open)

Domingo

09:00-09:30: Qualificação 2 (International GT Open)

10:00-10:35: Corrida 2 (Euroformula Open)

13:30-14:30: Corrida 2 (International GT Open)

15:00-15:35: Corrida 3 (Euroformula Open)

Numa grelha com cinco marcas distintas (Audi, Ferrari, Lamborghini, McLaren e Mercedes), depois da substituição do segundo Ferrari da Olimp Racing pelo velho conhecido Audi R8 GT3, o plantel encarou os 25 minutos da sessão com o asfalto nas melhores condições, aproveitando a borracha deixada pelos monolugares da EuroFormula Open que haviam realizado a sua qualificação minutos antes. Numa luta entre velhos conhecidos, Fumanelli, em Ferrari 488 GT3 Evo, levou a melhor sobre o McLaren 720S GT3 do britânico Joe Osborne e garantiu, assim, o tempo mais rápido durante os treinos cronometrados para a Corrida 1 do International GT Open.

A indefinição esteve presente do princípio ao fim, depois de os pilotos da Kessel Racing (Fumanelli) e Optimum Motorsport (Osborne) terem marcado os seus melhores tempos de forma sucessiva a três minutos do final do tempo regulamentar, relegando para o 3º posto o Mercedes-AMG GT3 do suíço Yannick Mettler, que até então colocava a SPS Automotive Performance na primeira posição. A fazer-lhe companhia na segunda linha da grelha estará Moritz Kranz, igualmente ao volante de um Mercedes AMG. Com o 5º melhor tempo, Leonardo Pulcini aproveitou toda a potência do seu Lamborghini Huracán para superar o Mercedes AMG de Marting Konrad. Seguiram-se Jamie Stanley, Kevin Gilardoni, Alex Frassineti e Charles Hollings, a fechar o top 10. Logo atrás, Steve Jans, Reeam Juffali, Marcin Jedlinski, Bernhard Laber, Kiki Sak Nana, Roman Ziemian, Stephen Earle e Stanislaw Jedlinski.

Euroformula Open: Goethe garante “pole” ao cair do pano

EuroformulaOpen 01

Depois de ter assegurado o melhor tempo nos treinos cronometrados, o dinamarquês Oliver Goethe converteu a rapidez evidenciada numa dramática pole-position para a primeira corrida do fim-de-semana no Circuito do Estoril dos monolugares da Euroformula Open. A sessão que decorreu na manhã deste sábado iniciou-se de forma tímida, com os pilotos a revelarem alguma prudência no objetivo de levar os carros ao limite perante as excelentes condições atmosféricas.

Nos 10 minutos iniciais, as atenções centraram-se no rookie Alex Garcia, detentor da volta mais rápida. Mas o protagonismo rapidamente passou para o australiano Christian Mansell — o primeiro a entrar no segundo “29”, com o tempo de 1m29.983s. As marcas foram baixando com o avançar da sessão e à medida que a temperatura do asfalto crescia. A 20 segundos do fim do tempo regulamentar, o rookie Sebastian Ogaard aparentava ter garantido o 1º lugar da grelha. Mas Vladislav Lomko superou-o logo de seguida, criando ainda mais suspense em torno da classificação final.

O britânico Frederik Lubin também surpreendia no mesmo instante, marcando momentaneamente o 3º tempo mais rápido. Mas a estrela maior foi mesmo Oliver Goethe, que, na derradeira oportunidade, realizando uma volta perfeita, relegou um excelente Josh Mason para o 2º posto. No 3º lugar, Christian Mansell, que assim terá a companhia de Vladislav Lomko na segunda linha da grelha de partida para a primeira corrida do fim de semana.

Com os oito primeiros separados por apenas 5 décimos de segundo, classificaram-se atrás desta quadra Frederik Lubin, Sebastian Ogaard, Filip Ugran e Nicolás Pino. Nicola Marinangelli, Alex Garcia, Francesco Simonazzi e o conceituado Alex Peroni irão largar das duas últimas linhas da grelha.

Com transmissão em direto nos canais de YouTube das duas séries, as primeiras corridas do Euroformula Open e do International GT Open decorrem, respetivamente, às 14:30 e 15:30.

Todas as informações a respeito desta prova poderão ser consultadas em www.gtopen.netwww.euroformulaopen.net. Já os resultados podem ser acompanhados em www.cronococa.com.

Pin It