Depois de uma ilustre carreira nas motos, Hélder Rodrigues (Can-Am) também dá cartas nos SSV, tendo sido o mais forte em Portalegre ao garantir a sua primeira vitória nesta categoria.

“Este triunfo significa muito num ano que foi tão duro para mim. Chegar aqui e vencer é fantástico. No primeiro dia perdi muito tempo. Não estava forte. Tive alguma dificuldade porque já há muito tempo que não andava na lama e também não tinha feito o Portalegre no ano passado. Já no segundo dia imprimi um ritmo muito forte desde o início, depois também cauteloso a meio e vim a gerir bem a corrida.”

“A 60 quilómetros do fim começamos a apanhar muitos Moto4 e motos lentas e que foi muito perigoso. Tirando isso tudo correu bem, o carro esteve bem, a equipa igualmente e também é preciso um bocado de sorte. Não furei, tive alguns percalços, mas vim até ao fim sempre rápido. Agora é altura de parar, repousar e pensar num novo projeto no futuro”, afirmou no final da prova.

Helder Rodrigues na Baja Portalegre 500 01

Helder Rodrigues na Baja Portalegre 500 02

Na classificação final provisória, João Monteiro (Can-Am) foi o segundo classificado e, com este resultado, será o novo campeão nacional, enquanto Pedro Santinho Mendes (Can-Am) termina no terceiro lugar final, depois de ter passado pelo comando da prova. 

A classificação está disponível online e pode ser consultada com o LusoMotores na totalidade aqui, à distância de um clique.

LusoMotores
Pin It